17 – CETOESTERÓIDES

Código: 17KS

Material: urina 24 horas

Sinônimo: 17-KS

Volume: 20.0 mL

Método: Colorimétrico

Volume Lab: 20.0 mL

Rotina: 2ª feira

Resultado: 48 horas

Temperatura: Sob refrigeração

Coleta: Coletar a urina de 24 horas (vide instrução de coleta) Misturar e enviar aliquota para teste ( 50,0 mL). Registrar o volume coletado. Frascos com HCl 50% (20 mL) por litro

Código SUS:

Código CBHPM:

Interpretação:

Uso: teste utilizado para diagnóstico de função adrenal e testicular em homens. Valores aumentados: carcinomas adrenais, uso de ACTH, tumores testiculares, síndrome de Cushing, síndrome adrenogenital, arrenoblastoma e tumor uterino do ovário (se androgênico), stress agudo, terceiro trimestre de gravidez, administração de testosterona, cromógenos urinários não específicos. Valores diminuídos: doença de Addison, pan-hipopituitarismo, hipotireoidismo, nefrose, hipogonadismo masculino, agenesia ovariana primária.

 

Referência: Crianças: Até 1 ano : 0,0 a 1,0 mg/24h 1 a 4 anos : 0,0 a 2,0 mg/24h 5 a 8 anos : 0,0 a 3,0 mg/24h 8 a 12 anos : 3,0 a 10,0 mg/24h 13 a 16 anos : 5,0 a 12,0 mg/24h Homem : 6,0 a 22,0 mg/24h Mulher : 4,0 a 16,0 mg/24h Metodologia desenvolvida e validada pelo Alvaro Centro de Análises e Pesquisas Clínicas.

17 – HIDROXI PREGNENOLONA – CURVA

Código: 17HIDROXIP

Material: soro

Sinônimo: 17-OH-Prenenolona

Volume: 2.0 mL

Método: Radioimunoensaio

Volume Lab: 2.0 mL

Rotina: Diária

Resultado: 42 dias

Temperatura: Amostra congelada

Coleta: Jejum de 8 horas. Em mulheres adultas, anotar dia do ciclo menstrual. Se o exame não for realizado no mesmo dia congelar a amostra.

Código SUS:

Código CBHPM:

Interpretação:

Uso: defeitos da 3-beta-hidroxiesteróide dehidrogenase.

 

Referência: Homens : 0.38 a 3.50 ng/mL Mulheres : 0.31 a 3.80 ng/mL Crianças : < 0.10 ng/mL

17 – OH CORTICOSTERÓIDES

Código: 17OH

Material: urina 24 horas

Sinônimo: 17- Hidroxicorticosteróides

Volume: 20.0 mL

Método: Colorimétrico

Volume Lab: 20.0 mL

Rotina: 2ª feira

Resultado: 48 horas

Temperatura: Sob refrigeração

Coleta: Frascos com HCl 50% (20 mL) por litro. Coletar a urina de 24 horas. Misturar e enviar aliquota para teste ( 50,0 mL). Registrar o volume coletado.

Código SUS:

Código CBHPM:

Interpretação:

Uso: teste de função adrenocortical; avaliação da produção de glicocorticóides e função neuroendócrina, função testicular e adrenal e da secreção androgênica adrenal em mulheres. Metabólitos urinários de glicocorticóides podem ser mensurados por 17-KS e 17-OH. Valores aumentados: síndrome de Cushing, stress significativo, síndromes adrenogenitais (deficiências de 11 e 21 hidroxilase). Valores diminuídos: doença de Addison, hipopituitarismo, cretinismo. Interferentes: acetazolamida +, colchicina +, digitálicos +, eritromicina +, hidroxizina +, menadiona +. As amostras devem ser corretamente coletadas em seus volumes e tempos.

 

Referência: Criança Até 1 ano : até 1,0 mg/24h 1 a 4 anos : até 2,0 mg/24h 5 a 9 anos : até 3,0 mg/24h 9 a 16 anos : 2,5 a 10,0 mg/24h Homem : 6,0 a 15,0 mg/24h Mulher : 9,0 a 22,0 mg/24h

17 ALFA – HIDROXI PROGESTERONA (17 OHP) – CURVA

Código: 17ALFCURVA

Material: soro

Sinônimo: 17 OHP

Volume: 1.0 mL

Método: Radioimunoensaio

Volume Lab: 1.0 mL

Rotina: Diária

Resultado: 48 horas

Temperatura: Sob refrigeração

Coleta: Jejum de 8 horas. Em mulheres adultas, anotar dia do ciclo menstrual. Se o exame não for realizado no mesmo dia congelar a amostra.

Código SUS:

Código CBHPM:

Interpretação: Uso: diagnóstico da Hiperplasia Adrenal Congênita, deficiência da 21-hidroxilase, diagnóstico de hirsutismo e infertilidade feminina; monitoramento terapêutico. A 17 - alfa - hidroxiprogesterona (17-OHP) é um esteróide intermediário na biossíntese do cortisol. Valores aumentados: hiperplasia adrenal congênita (genitália ambígua nas meninas e macrogenitossomia nos meninos), em alguns casos de neoplasias adrenais ou ovarianas. Valores diminuídos: pseudohermafroditismo masculino, doença de Addison, tratamento com esteróides (cortisona, hidrocortisona). Alguns casos de deficiência de 21 - hidroxilase de início adulto podem resultar em valores basais normais da 17 - alfa - hidroxiprogesterona, sendo encontrados aumentos exacerbados com o estímulo por ACTH.

Referência: Homens : 0,59 a 3,44 ng/mL Mulheres: Fase Folicular : 0,11 a 1,08 ng/mL Fase Lútea : 0,95 a 5,00 ng/mL Gravidez primeiro trimestre : 2,50 a 9,78 ng/mL segundo trimestre : 3,40 a 8,50 ng/mL terceiro trimestre : 4,53 a 18,86 ng/mL Pré pubere 1 a 6 meses : 0,13 a 1,73 ng/mL 6 meses a 1 ano : 0,11 a 1,73 ng/mL 1 a 11 anos : 0,10 a 1,39 ng/mL Após estímulo : 1 a 6 meses : 0,85 a 2,50 ng/mL 6 meses a 1 ano : 0,85 a 4,66 ng/mL

17 ALFA HIDROXI PROGESTERONA- NEO

Código: 17NEO

Material: papel filtro - sangue

Sinônimo: 17 OHP NEO

Volume: Preencher o circulo do Papel Filtro

Método: Imunofluorimétrico

Volume Lab: Gotas de sangue embebido em papel filtro

Rotina: 2ª e 5ª feira

Resultado: 5 dias

Temperatura: Sob refrigeração

Coleta: Sangue total em papel filtro (Schleicher & Schuell) vazada nos dois lados do papel. Preencher totalmente os quatro círculos. Deixar secar a gota e envolver em papel alumínio

Código SUS:

Código CBHPM:

Interpretação: Ver Teste do Pezinho. Doença : Hiperplasia adrenal congênita Produção de hormônios em grandes quantidades pela hipófise, resultando na estimulação demasiada da glândula adrenal. Os androgênios secretados durante o desenvolvimento do feto feminino podem causar a masculinização da genitália externa; no feto masculino os órgãos sexuais apresentam-se normais, mas a precocidade sexual torna-se aparente alguns meses depois. Nos indivíduos afetados há crescimento acelerado e maturação óssea precoce, de modo que a estatura baixa é o resultado típico final.

Referência: Até 15,0 ng/mL Atenção novos valores de referência a partir de 10/05/2010. Peso ao nascer: 17 OH Progesterona Inferior a 1250 g Até 73,6 ng/mL Entre 1250 e 2249 g Até 40,8 ng/mL Superior a 2250 g Até 20,9 ng/mL

17 HIDROXI PROGESTERONA

Código: 17ALF

Material: soro

Sinônimo: 17 OHP

Volume: 1.0 mL

Método: Radioimunoensaio

Volume Lab: 1.0 mL

Rotina: Diária

Resultado: 48 horas

Temperatura: Sob refrigeração

Coleta: Jejum de 8 horas. Em mulheres adultas, anotar dia do ciclo menstrual.

Código SUS:

Código CBHPM:

Interpretação: Uso: diagnóstico da Hiperplasia Adrenal Congênita, deficiência da 21-hidroxilase, diagnóstico de hirsutismo e infertilidade feminina; monitoramento terapêutico. A 17 - alfa - hidroxiprogesterona (17-OHP) é um esteróide intermediário na biossíntese do cortisol. Valores aumentados: hiperplasia adrenal congênita (genitália ambígua nas meninas e macrogenitossomia nos meninos), em alguns casos de neoplasias adrenais ou ovarianas. Valores diminuídos: pseudohermafroditismo masculino, doença de Addison, tratamento com esteróides (cortisona, hidrocortisona). Alguns casos de deficiência de 21 - hidroxilase de início adulto podem resultar em valores basais normais da 17 - alfa - hidroxiprogesterona, sendo encontrados aumentos exacerbados com o estímulo por ACTH.

Referência: Homens : 0,59 a 3,44 ng/mL Mulheres: Fase Folicular : 0,11 a 1,08 ng/mL Fase Lútea : 0,95 a 5,00 ng/mL Gravidez primeiro trimestre : 2,50 a 9,78 ng/mL segundo trimestre : 3,40 a 8,50 ng/mL terceiro trimestre : 4,53 a 18,86 ng/mL Pré pubere 1 a 6 meses : 0,13 a 1,73 ng/mL 6 meses a 1 ano : 0,11 a 1,73 ng/mL 1 a 11 anos : 0,10 a 1,39 ng/mL

 
 
 
 
 
 

Unidades 

E-mail

logo qr code.png
whaTAS.png

WhatsApp

Tel.: (21) 2507-2440

Mais do que uma ampla rede de atendimento,o LABORATÓRIO BIOMÉDICO oferece um completo portfólio de exames: Análises Clínicas, Anatomia Patológica, Biologia Molecular, Genética e Citologia.o. É fácil.

Atualmente atendemos convênios com as seguintes operadoras de saúde: